CORREIO DAS ILHAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Santiago: Município de São Miguel cria taxa de resíduos sólidos urbanos 04 Janeiro 2023

A Câmara Municipal de São Miguel começa a partir deste ano a cobrar a taxa de resíduos sólidos urbanos aos munícipes e às empresas públicas e privadas sedeadas nesse município santiaguense.

Santiago: Município de São Miguel cria taxa de resíduos sólidos urbanos

A informação foi avançada hoje à Inforpress pelo vereador das Obras, Albertino de Pina, lembrando que a proposta de implementação da taxa de resíduos sólidos urbanos foi aprovada pela Assembleia Municipal de São Miguel, na última sessão de Dezembro de 2022, e mereceu votos favoráveis do MpD (partido que gere a câmara) e abstenção do PAICV (oposição).

A implementação da taxa do lixo, segundo o município liderado por Herménio Fernandes, “visa melhorar cada vez mais os serviços de saneamento, proporcionando aos munícipes e visitantes um ambiente sadio e ecologicamente equilibrando”.

“São Miguel é dos poucos municípios que ainda não tinha implementado esta taxa que contribui para garantir um município cada vez mais limpo e organizado como é o desejo de todos nós”, observou a mesma fonte.

A taxa do lixo vai ser cobrada anualmente através do (IUP) e outros impostos municipais, cuja habitação individual vai pagar 130 escudos, comércio ou indústria 25 por cento (%) sobre licença comercial, bancos, empresas públicas e privadas 300 escudos e agências de viagens 150 escudos.

A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project