POLÍTICA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Santiago Norte: PAICV pede “investimentos estruturantes” para desenvolver setor das pescas 31 Mar�o 2022

O Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV, oposição) advertiu hoje que o setor das pescas não se resume apenas à entrega das malas térmicas e pediu ao Governo “investimentos estruturantes” para desenvolver o setor.

Santiago Norte: PAICV pede “investimentos estruturantes” para desenvolver setor das pescas

A observação foi feita em declarações à Inforpress pela porta-voz do grupo, Carla Carvalho, em jeito de balanço das recentes jornadas realizadas em Santiago Norte, que contemplaram os quatro municípios que têm aõ setor das pescas como actividade (Santa Catarina, Santa Cruz, Tarrafal e São Miguel), no âmbito da preparação do debate com o ministro do Mar, Abraão Vicente.

As jornadas parlamentares tiveram por objectivo auscultar as preocupações dos pescadores, peixeiras, armadores e empresários, no âmbito do debate com o ministro do Mar, Abraão Vicente, agendado para a primeira sessão parlamentar do mês de Abril.

Das “grandes preocupações” do sector marítimo, a deputada nacional apontou a necessidade de reabilitar e construir cais de pesca e portos.

No caso particular do município de Santa Cruz, informou que os homens do mar defendem a construção de um porto comercial, que visa desenvolver, por um lado, o próprio sector da pesca e, por outro, permitir o escoamento de produtos agrícolas e de pessoas para outras ilhas, mormente Maio, Sal e Boa Vista.

Segurança e meios para busca e salvamento, delegação marítima, materiais de pesca, menos burocracias e diminuição de taxas de juros no acesso ao crédito são outros problemas apontados pelos homens do mar.

Segundo a mesma fonte, os pescadores informaram ainda que as autoridades competentes só lembram deles e do sector por altura do 05 de Fevereiro, Dia Nacional do Pescador, e que os investimentos no sector se resumem apenas à entrega das malas térmicas.

“Não há investimentos estruturantes no setor das pescas e o Governo não cumpriu com o compromisso que vem desde 2016 de construir um porto comercial para a região de Santiago Norte”, lamentou.

Os deputados do grupo parlamentar do PAICV visitaram ainda as câmaras municipais, mormente a do Tarrafal, onde, conforme revelou Carla Carvalho, os poucos investimentos feitos no sector foram da edilidade.

“É preciso mais atenção ao sector das pescas. As câmaras têm as suas funções, mas, o Governo tem que cumprir os seus compromissos para com o sector e não se justificar com crises”, observou a deputada.

Por outro lado, os parlamentares pediram ao Governo para atribuir uma pensão social para as mulheres que vivem da apanha de areia, cuja maioria está doente e para os pescadores com idade de reforma.

E tendo em conta que os problemas do sector das pescas “não se resumem apenas a entrega das malas térmicas”, Carla Carvalho asseverou que os parlamentares do PAICV vão levar os mesmos junto do Governo para que sejam solucionados. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project