SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Santo Antão/Ribeira Grande: Hamilton Lima enfatiza a importância de todo e qualquer individuo obter conhecimento básico em natação 15 Julho 2021

O Coordenador do Centro da Juventude de Ribeira Grande, Hamilton Lima, sublinhou em entrevista ao Asemana Online, que por sermos um país constituído por ilhas e cercado por mar, resulta numa necessidade enorme das pessoas aprenderem a salvar, sobretudo, a si mesmo. As crianças têm a oportunidade de durante as férias deste verão adquirirem esses conhecimentos, através das aulas de natação que arrancaram esta terça-feira, 13, e terminam a 8 de setembro. A ideia é depois deste verão arrancar com aulas de natação para adultos.

Santo Antão/Ribeira Grande: Hamilton Lima enfatiza a importância de todo e qualquer individuo obter conhecimento básico em natação

Em declarações a este jornal, Hamilton avançou que, são cerca de 30 crianças, dos 7 aos 12 anos de idade, iniciaram ontem, 13 de julho, as aulas de natação, no Hotel Pedracin Village, numa parceria entre a Câmara Municipal e os instrutores de natação, Nivaldo Santos e Marcos Fortes.

Esta atividade que está sob o lema “Aprender para Salvar”, decorrerá até o dia 8 de setembro, no Hotel Pedracin Village e encontra-se inserida no âmbito do programa de verão, lançado recentemente pela edilidade ribeira-grandense.

O coordenador explica que a iniciativa foi desenvolvida pelos dois jovens que já tinham analisado um défice de atividades do tipo, neste caso natação, na cidade da Ribeira Grande e constataram que muitas pessoas têm pouco hábito de frequentar praias de mar, tanques, piscinas e têm também pouca pratica de frequentar aulas para saber como nadar com conhecimento e segurança.

“Já que somos um país cercado de mar as pessoas deviam aprender, no mínimo, os conceitos básicos de como nadar e evitar situações de perigo quando se frequentar mar, piscinas, tanques, entre outros”, destaca Hamilton que acrescenta que, por coincidência essa formação iniciou num contexto em que se tem noticiado alguns casos de afogamento no mar neste verão, e logo veio reforçar a necessidade de aprender técnicas que salvam vidas.

Adianta ainda que, com o término da formação, as crianças vão sair com um certificado de participação de nível zero.

“Igualmente tivemos muita procura por parte de adultos que também manifestaram à vontade em participar em aulas de natação, mas infelizmente neste verão não será possível, por questão logística”, lamenta o responsável que, no entanto, avançou que depois do verão, “queremos criar condições para que as pessoas adultas possam ter também essa oportunidade”.

Através desse projeto, conforme a autarquia, vão ser proporcionados às crianças momentos de aprendizagem e lazer bem como sensibilizá-las sobre a importância da água e do meio em que estão inseridas.

O programa de ocupação de crianças e jovens do concelho, que iniciou terça-feira, 13 de Julho, vai até o dia 08 de Setembro, para além de aulas de natação, engloba ainda Workshop, oficinas temáticas, sessão de filmes e debate, oficina de escrita e leitura, campanha de limpeza nas praias do concelho, visitas guiadas, aulas de ballet, dança e guitarra.
O ato da abertura oficial desta formação, na terça-feira, 13, contou com a presença da Vereadora do pelouro da Juventude, Sheila Santos, o Coordenador do CJRG, Hamilton Lima, os instrutores, as crianças e os respetivos encarregados de educação.

AC/Redação

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project