AUTÁRQUICAS 2020

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

São Domingos: Isaías Varela quer resgatar o concelho de 26 anos de “marasmo” 03 Outubro 2020

O candidato do Partido Africano de Independência de Cabo Verde (PAICV) à presidência da Câmara Municipal de São Domingos, Isaías Varela, pede um voto de confiança aos sandominguenses para resgatar o concelho de 26 anos de “marasmo”.

São Domingos: Isaías Varela quer resgatar o concelho de 26 anos de “marasmo”

“Queremos dar a nossa contribuição para o nosso concelho que tem passado os últimos 26 anos num autêntico marasmo, vítima de uma gestão anárquica, míope e sem visão do futuro”, disse o candidato em entrevista à Inforpress.

Tendo como lema “nova esperança para Domingos”, Isaías Varela, que estreia nas autárquicas, apresenta uma plataforma integrada por cinco eixos que considera fundamentais para a preparação do futuro que a população de São Domingos merece.

O primeiro eixo é o institucional, e de acordo com o candidato, visa melhorar o funcionamento da Câmara Municipal, para introduzir a transparência, a prestação de contas e o respeito pela satisfação colectiva.

Os outros eixos são o social, o económico, o eixo do ordenamento do território e ambiente e o eixo das parcerias.

A nível social, o candidato do PAICV propõe apostar na inclusão social, habitação social, juventude, desporto, família, educação, cultura e saúde e no eixo económico quer trabalhar na centralidade do concelho para ser uma cidade alternativa à Praia, apostar no turismo, construir um parque empresarial, apostar na agroindústria, criar uma unidade de projectos e um fundo investimento municipal.

No eixo ordenamento do território e ambiente as propostas vão no sentido de trabalhar na actualização dos planos de desenvolvimento territorial e urbano, e a nível das parcerias a construção de uma relação de aproximação e de aliança alargada com as instituições públicas, privadas e de organizações da sociedade civil.

Isaías Varela considera que São Domingos não é um município pobre, mas sim um município que está pobre porque falta autoestima, amor e trabalho em prol da colectividade e da promoção das potencialidades locais.

Por isso, pede um voto de confiança para mudar os destinos de São Domingos.

“Agregamos valores no domínio do turismo, temos praia, temos montanha, temos lindos vales, temos música, temos culinárias – mas o nosso concelho continua numa dramática sonolência. Queremos romper a com gestão do quotidiano e empreender o verdadeiro processo de desenvolvimento”, sustentou.

Para além do PAICV concorrem para eleições dos órgãos autárquicos em São Domingos as listas do MpD e da plataforma “Ami é San Domingus”

Nas autárquicas de 2016, em São Domingos, concorreram o MpD com Clemente Garcia, que venceu a câmara com 61,22% dos votos, e o PAICV com Mário Lima, que obteve 36,19%.

Em São Domingos, para as eleições autárquicas de 25 de Outubro estão inscritos nos cadernos de recenseamento 9.658 eleitores. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project