Legislativas 2021

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

São Nicolau: Primeiro dia de campanha dos partidos com prazo até meio-dia e sem agenda para sexta-feira 01 Abril 2021

A campanha eleitoral na ilha de São Nicolau, arrancou hoje, 01 de abril, com os candidatos a centrarem as suas acções em contactos porta-a-porta, devido à pandemia da COVID-19, com excepção do MPD. Na disputa para as eleições legislativas 2021 de 18 de abril, concorrem ao círculo eleitoral de São Nicolau o Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), o Movimento para Democracia (MPD) e a União Cabo-Verdiana Independente e Democrática (UCID).

São Nicolau: Primeiro dia de campanha dos partidos com prazo até meio-dia e sem agenda para sexta-feira

MPD cancela arranque da campanha

Para estas eleições, cujas campanhas arrancam hoje, o mandatário do Movimento para Democracia na ilha de São Nicolau, Neivo José Rocha, afirmou ao Asemanaonline, que o arranque da campanha que estava prevista para hoje foi cancelado pela direcção do MPD na ilha, por respeito à “quinta feira Santa”, devendo aquele partido resumir a campanha no sábado, 03 de abril, pois que amanhã celébra-se a Sexta-Feira da Paixão.

UCID com boa recepção por parte do público

Por sua vez, a UCID, aproveitou a parte da manhã para fazer contatos porta-a-porta na zona de Fajã, tendo fechado o dia ao meio-dia, segundo o cabeça de lista, Louzindo Lopes, também devido à tradicional “quinta-feira Santa”. Amanhã, sexta-feira da Paixão, é dia de descanso, voltando aquele partido ao terreno no sábado.

Entretanto, o mesmo, garantiu que a sua equipa está sendo bem recebida pela população e que estão a levar uma mensagem de mudança para São Nicolau "que tem sido negligenciada pelas governações anteriores".

PAICV garante que tem São Nicolau como “bandeira”

Já o Partido Africano para a Independência de Cabo Verde (PAICV), iniciou hoje a campanha num clima de “normalidade”, com contactos porta-a-porta na cidade de Tarrafal, mais precisamente na localidade de Campo Pedrada. Pelo caminho, os Tambarinas deixaram a garantia de que essa candidatura que é suportada pelo PAICV, tem São Nicolau como bandeira e que não defende os interesses do próprio partido, mas sim da ilha em geral.

Segundo o cabeça de lista daquele partido para a ilha de Chiquinho, a população foi muito receptiva, colocando preocupações a problemática dos transportes, da saúde, água, entre outros. O mesmo ainda realça a ambição dos agricultores em levar os seus produtos para outros mercados nacionais e que esbarra no excesso de burocracia e nas restrições das ligações marítimas e aéreas.

“Foram prometidos mundos e fundos para a nossa ilha e nada foi concretizado, São Nicolau vive no abandono”, referiu.

Nas legislativas do dia 18 para a eleição de 72 deputados, em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na Diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project