ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

São Vicente: Definidas novas regras de venda e extracção de areia no Lazareto 21 Agosto 2018

O delegado do Ministério da Agricultura em São Vicente divulgou hoje as novas regras de extracção e venda de areia nos bancos do Lazareto, garantindo que a extracção nos moldes anteriores não vai ser mais permitida.

São Vicente: Definidas novas regras de venda e extracção de areia no Lazareto

Vitorino Silva, que falava em conferência de imprensa no Lazareto, explicou que foram demolidos todos os bancos de areia e o antigo sítio de extracção de areia encerrado, por motivos de segurança.

Da mesma forma, anunciou a mesma fonte, foi criada uma reserva de mais de 2500 metros cúbicos de areia a ser disponibilizada à construção civil “de forma segura”, pela Câmara Municipal de São Vicente, mediante venda, conforme estabelece o protocolo rubricado pela autarquia e pela Direcção Nacional do Ambiente.

Assim, ficam criadas “todas as condições” para precaver acidentes na extracção de areia, com “fiscalização reforçada”, sustentou Vitorino Silva, e, em simultâneo, ajuntou, fica garantida a disponibilidade de areia para a construção civil em São Vicente.

Doravante, explicou, por seu lado, a vereadora do Ambiente da autarquia mindelense, Carla Monteiro, o interessado no inerte deve dirigir-se à câmara onde adquire uma senha com a quantidade desejada, sendo que o metro cúbico custa 800 escudos.

“Posteriormente apresenta o recebido à entrada da zona de extracção a um fiscal e há uma máquina que vai colocar a areia no carro, em segurança”, reforçou a mesma fonte, que indicou que o horário de funcionamento será das 07:30 às 15:00.

A vereadora explicou que não está ainda definido o tecto de venda por viatura mas que o local será monitorizado de acordo com critérios de sustentabilidade ambiental para, no futuro, se definir a quantidade.

Trata-se uma decisão provisória, segundo Vitorino Silva, enquanto a extracção de areia no Lazareto não for adjudicada a uma entidade “privada e competente”, sendo certo, ajuntou, que o Governo “já se encontrar a trabalhar nos procedimentos do concurso público”.

A 18 de Julho, um soterramento que ocorreu no local de extracção de areia na zona de Lazareto, provocou duas mortes e um ferido, que vieram juntar a outras 18 mortes ocorridas nos últimos anos em São Vicente em trabalhos de extracção de areia. ASemana/Inforpess

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project