INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Síria em guerras contra Covid-19, a civil, e mais uma entre Assad e primo 07 Maio 2020

Rami Makhlouf, empresário com uma fortuna de ‘biliões’ de dólares, pede ao presidente Bashar al-Assad que não o faça pagar mais do que já pagou ‘para ajudar os mais pobres’. ‘Se tiver de pagar mais, ficarei eu pobre também’.

Síria em guerras contra Covid-19, a civil, e mais uma entre Assad e primo

"Não quero causar-lhe embaraços", começa por dizer o bilionário Makhlouf, em post na rede social Facebook do primeiro dia de maio. "Por isso paguei exatamente o que eu tinha de pagar".

O inédito apelo público de Makhlouf ao primo presidente foi despoletado pela ameaça de congelamento de bens por "quadros do governo" se não entregasse de imediato 100 milhões de dólares. Sobre isso, Makhlouf diz querer "pagar ao presidente mas não ao Estado", certo de que é "para ajudar os mais pobres’"

O dono dum império que inclui vários ramos de negócio, Makhlouf foi objeto de sanções pelos Estados Unidos por "usar a posição influente de que beneficia no governo sírio", dadas as relações de parentesco ( é filho da irmã de Anisa, a mãe de Bashar), "para controlar a aquisição de certos tipos de contratos lucrativos".

É também acusado de "manipular o sistema judicial e utilizar os serviços de inteligência para intimidar rivais nos negócios", em especial "para obter licenças exclusivas como representante de empresas estrangeiras na Síria". O Diretório Sírio de Segurança e Inteligência era nessa altura dirigido por Hafez Makhlouf, irmão de Rami.

Prossegue o dono da empresa de telecomunicações SyriaTel: "Como sabe, quando vi que eu podia ser um fardo para si, deixei certos negócios".

"Se for preciso, pagarei outra vez para que possa distribuir o meu dinheiro aos mais pobres, mas não poderei pagar mais do que devo porque senão ficarei eu pobre", diz Makhlouf.

Fontes: Le Figaro/N Y Times/Facebook/Washington Post.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project