Presidenciais 2021

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Tarrafal, São Salvador do Mundo e São Miguel: Candidatos fazem balanço positivo da primeira semana da campanha 07 Outubro 2021

Depois de sete dias da campanha eleitoral, os sete candidatos à Presidência da República nos concelhos de Tarrafal, Calheta de São Miguel e São Salvador do Mundo em Santiago fazem um balanço positivo do trabalho desenvolvido. Todos os concorrentes mostram-se confiantes na vitória no dia 17 de outubro.

Tarrafal, São Salvador do Mundo e São Miguel: Candidatos fazem balanço positivo da primeira semana da campanha

Desde passeatas, contatos personalizados com o eleitorado e showmícios com muita batucada marcaram o sétimo dia da campanha eleitoral nos muncipios referidos. Os sete candidatos que disputam a presidência da República do país percorreram as cidades, os vales e as montanhas à procura de votos naqueles concelhos.

Calheta São Miguel movimentado

A candidatura de José Maria Neves, representado pelo diretor de campanha Osvaldino Ferreira, faz um balanço positivo da campanha no município. Afirmou que no concelho os integrantes da candidatura priorizaram contatos porta-a-porta e estão a receber boa atenção do público.

“Há uma grande chance de José Maria ser eleito Presidente da República deste país, porque as pessoas que têm nos recebido estão engajados com esta candidatura e tudo indica que o nosso candidato vai ser um grande vencedor desta eleição”, salientou.

Osvaldino Ferreira garante que tudo está a decorrer dentro da normalidade, porque a equipa tem estado a organizar campanha muito bem. “Temos pessoas em toda localidade do município a trabalhar e a fazer contatos porta-a- porta”, frisou.

O mesmo salienta que a estratégia para esta reta final de campanha é priorizar a campanha porta-a-porta até última hora e levar a mensagem até onde é possível.
Já a candidatura de Carlos Veiga, atuado em Calheta São Miguel pelo Diretor Herménio Fernandes, calcula um balanco positivo e acredita numa grande vitória no concelho. Esta caravana encontra se no terreno todos os dias a realizar contatos porta- a-porta em todas as localidades.

De acordo com Hermínio Fernandes “A campanha está a decorrer tudo com normalidade, a equipa tem estado a conversar com todas as pessoas e a passar a mensagem e os cabo-Verdianos mostram muita confiança no nosso candidato. Há muito civismo e respeito pela candidatura”, acrescentou.

Fernandes sublinha que a estratégia para esta reta final da campanha é continuar com o contato porta-a-porta e também ouvir as pessoas, acrescentando ainda que estão a trabalhar e com uma grande adesão neste concelho, porque é necessário sobretudo para evitar que aja abstenção.

Neste sentido, a candidatura de Hélio Sanches em Calheta, representado pelo diretor Henrique Fortes, diz que as pessoas tem estado a aderir a mensagem que a candidatura está a transmitir.

Esta caravana está a realizar o contato porta-a-porta, conversando com as pessoas cara a cara. Disse que está a sentir que as pessoas estão com a mesma candidatura e que Hélio vai ter um bom resultado.

“A nossa estratégia é continuar a apelar ao voto, é mesma medida que vamos levar até ao fim. Não estamos a fazer grandes comícios porque não temos condições. O nosso objetivo é também de promover reflexão e não vamos condicionar ninguém como os outros candidaturas”, disse Henrique Fortes.

Tarrafal de Santiago entre comícios e porta-a-porta

Na cidade de Tarrafal, o candidato José Maria Neves, representado pelo Diretor de campanha Pedro Furtado, efetua também um balanço positivo desta primeira semana da campanha, avançando que a mesma candidatura tem tido aceitação e estão a ser bem recebidos, sobretudo pela camada jovem. “Prova disso é que, na segunda feira passada, tivemos uma grande festa comício na Vila, que teve uma moldura humana considerada boa. Por isso, estamos muito satisfeitos e com a convição que no dia 17, vamos ganhar estas eleições”, garantiu.

O Diretor de Campanha Pedro Furtado, garantiu que até o momento a candidatura de José Maria Neves, está a ter uma grande aceitação no terreno. Sublinhou que aa estratégia para a reta final da campanha é levar a mensagem a todas as localidades para mostrar que o candidato JMN é o que está melhor preparado para exercer o cargo de Presidente da República.

A candidatura de Hélio Sanches, que tem como diretor de campanha Epifânio Fidalgo, fazem igualmente um balanço positivo. Os integrantes da equipa estiveram no terreno em Ribeira das Patas e Milho Branco, num contato porta a porta, para levarem a mensagem sobre a razão da candidatura de Sanches ao cargo do PR.
“Está tudo a correr na tranquilidade, principalmente no que toca à recetividade das pessoas. Estão a mostrar realmente que é um presidente de representatividade da cidadania, não uma representatividade partidária”, afirma.

Epifânio Fidalgo ressaltou que a estratégia da campanha da candidatura no concelho é intensificar o contato com as pessoas, principalmente nas zonas urbanas, especificamente na vila de Chão Bom.

São Salvador do Mundo sem constrangimentos

O candidato apoiado pelo Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), José Maria Neves, representado em São Salvador do Mundo pelo diretor de campanha Manuel Torres, revela que a campanha neste município está a decorrer normalmente e que já percorreram mais de 70 % da comunidade.

Questionado sobre o surgimento de algum constrangimento durante a campanha, Manuel Torres declara que tudo correu bem. “Para ser sincero, não tivemos grandes constrangimentos. Só no primeiro dia que fizemos o contato no período da manhã e não conseguimos encontrar pessoas em casa, porque se trata de uma zona rural e neste momento as pessoas estão em tempo agrícola”.

A mesma fonte salienta, que “a estratégia para esta reta final da campanha, é falar para o eleitorado que Neves é o candidato mais preparado em termos de experiência, bagagem e competência para o cargo de PR. Sendo assim apelamos a população do concelho que esteja atenta a todo trabalho que teve feito no passado”, alertou.

A afinar pela mesma diapasão está a candidatura de Carlos Veiga, representada pelo diretor de campanha Gil Teixeira. A mesma calcula que «um balanço é muito positivo», relançando que já andaram em porta a porta em cerda de 9 localidades.
Gil Teixeira declara, não tiveram nenhuma dificuldade ou constrangimento na campanha, evidenciando ainda que a estratégia para a fase final da campanha é continuar a passar a mensagem, através de porta a porta sobre o candidato Carlos Veiga, e mobilizar o máximo número de pessoas possível para votarem no que consideram estar mais apto para presidir Cabo Verde.

Este jornal tenteu também ouvir a candidatura de Hélio Sanches, que tem Daniel Carvalho como representante, mas assegurou que tal foi impossível no Município de São Salvador do Mundo. O mesmo aconteceu com os candidatos Casimiro de Pina, Gilson Alves, Fernando Rocha, e Joaquim Monteiro de Pina que estão ainda

Recorde-se que quase 400 mil cabo-verdianos estão inscritos para votar, no arquipélago e na diáspora, nas eleições presidenciais de 17 de outubro, de acordo com o caderno eleitoral publicado pela Direção Geral de Apoio ao Processo Eleitoral (DGAPE).

Eunice Marlize Borges /Redação

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project