Retratos

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Tcheka lança “Boka Kafé” no XPTO 20 Dezembro 2017

O cantor Tcheka lança, esta quinta-feira, 21, o seu quinto álbum intitulado “Boka Kafé” no XPTO, na Quebra Canela, Cidade da Praia. O álbum surge seis anos depois da gravação do disco “Dor de Mar”, do compositor e guitarrista cabo-verdiano.

Tcheka lança “Boka Kafé” no XPTO

Dzem Kma sim (moda Tcheca), Kassarola, Peito na Peito, Boka kafé, Pexim Pexon, Quinta-feira, Soncente, Barquinho, Santa, Dzem Kma sim, Skarera e Strada são os temas que integram o “Boka Kafé”.

O músico santiaguense tem já um percurso notável na sua carreira artística. Manuel Lopes Andrade, mais conhecido por Tcheka, é autor, compositor e intérprete de toda a sua obra, que remonta ao ano de 2000. Em 2003 editou o seu primeiro álbum intitulado “Argui”, de seguida de Nu Monda (2005), Lonji (2007), Dor De Mar (2011) e Boka Kafé (2017).

Como diz o ditado popular, filho de peixe sabe nadar. Não foi assim diferente com ele, filho do violinista Nho Raul Andrade, cuja casa era uma verdadeira escola de música em Ribeira da Barca, ilha de Santiago. Tcheka começou na música aos nove anos e nunca mais parou.

Segundo vários escritos, desde pequeno animava bailes e festas com o pai e os irmãos, tocando mornas e coladeiras. Mas foi, a partir dos 16 anos, que começou a se interessar pela música tradicional de Santiago, o batuque em particular.

Conforme entendidos na matéria, depois Tcheka passou a residir na Praia, onde ampliou os seus horizontes musicais até encontrar o seu caminho: a reelaboração do batuque, numa encruzilhada de influências que vão dos “blues” à música popular brasileira, passando pela música africana contemporânea.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade
Cap-vert

Newsletter

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project