INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Ucrânia: China diz estar a mediar conflito e oferece assistência humanitária 07 Mar�o 2022

O ministro dos Negócios Estrangeiros da China, Wang Yi, disse hoje que Pequim “já está a mediar” o conflito na Ucrânia e que vai fazer esforços para oferecer assistência humanitária, o que “não deve ser politizado”.

Ucrânia: China diz estar a mediar conflito e oferece assistência humanitária

“A paz e o diálogo devem ser promovidos e a China já fez alguns esforços nesse sentido”, afirmou Wang Yi, numa conferência de imprensa paralela à sessão anual da Assembleia Nacional Popular, o órgão legislativo máximo da China, cita Lusa.

“Houve duas rondas de negociações e esperamos que haja uma terceira. Quanto mais divergências há, maior a necessidade de se sentarem para negociar”, disse.

Pequim tem mantido uma posição ambígua em relação à invasão russa da Ucrânia.

Por um lado, conforme a mesma fonte, defendeu que a soberania e a integridade territorial de todas as nações devem ser respeitadas – um princípio de longa data da política externa chinesa e que pressupõe uma postura contra qualquer invasão -, mas ao mesmo tempo opôs-se às sanções impostas contra a Rússia e apontou a expansão da NATO para o leste da Europa como a raiz do problema.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project