INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Ucrânia: "Guerra só acaba com Putin morto ou matarmos todas as tropas russas", diz autarca de Mikolaiv 05 Abril 2022

Cidade portuária a sul, Mykolaiv é o novo alvo do exército de Putin: em fins de março, contavam-se 12 mortes num ataque a um edifício administrativo, dez mortos e 46 feridos num outro ataque no mesmo dia, segundo a mais recente atualização das autoridades locais à Reuters. A rádio portuguesa TSF esteve à conversa com o autarca Oleksandr Syenkevych que só tem uma certeza: "Ficamos até o fim". Mykolaiv não se rende.

Ucrânia:

O presidente de mais uma cidade mártir desta invasão russa afirmou: "Será uma guerra de pelo menos um ano e só acaba se Putin morrer, for morto ou matarmos todas as tropas russas".

A entrevista começou com a referência às explosões dessa manhã de terça-feira. O autarca fez o ponto da situação: "Uma pessoa morreu e cinco ficaram feridas no ataque desta manhã. Algumas dessas pessoas estavam numa paragem de autocarro. Outras num supermercado quando as bombas as atingiram".

Os bombardeamentos são cada vez mais frequentes...

Na última semana fomos bombardeados uma vez por dia. Nos últimos dois dias passámos a ser bombardeados duas vezes por dia. Os alvos atingidos são sobretudo prédios civis. Casas onde vivem pessoas, escolas, jardins de infância, hospitais. Não foi atingido qualquer alvo militar ou estrutura industrial. Somos atacados com bombas de fragmentação — que aumentam muito o raio de impacto. Felizmente não têm causado muitos feridos. Ontem e hoje duas pessoas morreram e cerca de trinta ficaram feridas.

De onde é que vêm os mísseis? Do Mar Negro? De posições russas em Kherson? Da Crimeia?

Temos a certeza de que vêm de Kherson. O lançamento de hoje foi às 7h01 e os rockets atingiram o alvo às 7h04. Ou seja, três minutos é o tempo que um rocket demora de Kherson até à nossa cidade. Depois durante 24 segundos fomos bombardeados.

Na sexta-feira vi rockets que caíram sobre o rio. As pontes da cidade seriam os alvos?

Não creio. Essas armas só servem para atacar pessoas. Mykolaiv tem duas pontes e estão armadilhadas, em último caso fazemos explodir as pontes. Mas o tabuleiro de uma delas é giratório e o da outra eleva-se. Se tivermos de fugir, abrimos as pontes.

Teme ter uma semana mais dura?

No início da guerra não diria que estávamos preparados. Mas desde essa altura a situação mudou muito. Fizemos muitos pontos de bloqueio, trincheiras. Também preparámos as nossas tropas: o exército, a guarda nacional, as tropas da defesa territorial, que é composta por pessoas que nunca tinham servido nas forças armadas, todos estão prontos para defender o país. Estamos preparados para a luta.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project