REGISTOS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Vacina anti-Covid falsificada à venda na internet — Ciberfraude imparável 21 Dezembro 2020

Burlões estão à solta na internet a oferecer as vacinas à medida que são aprovadas, primeiro a da Pfizer e agora desde quinta-feira, 17, a da Moderna já aprovada mas que ainda não começou a ser administrada. A investigação do FBI levou na sexta-feira, 18, a uma ordem judicial que fechou uma "companhia subsidiária da Moderna" que desde a véspera estava a vender online vacinas. Gente desesperada que não está na lista dos grupos prioritários são o alvo ideal, alerta o FBI.

Vacina anti-Covid falsificada à venda na internet — Ciberfraude imparável

Segundo o FBI, os burlões criaram o site ’mordernatx.com’ — com erro ortográfico e tudo — e através do roubo de informação passaram a contactar pessoas que tinham mostrado interesse em comprar a vacina.

Em poucas horas, o esquema rendeu mais de 27 milhões de dólares, disse ao New York Times o coordenador da operação Promessa Roubada do FBI. Contudo, o responsável admite que "quando fechamos cem falsos representantes da Moderna, abrem-se mais 50, mais 100".

A solução é mesmo a prevenção para que as pessoas mais vulneráveis nao caiam na armadilha. Tarefa difícil: "Temos uma larga camada da população, mais idosa e menos conhecedora da internet, que é o alvo preferencial destes burlões".

Além das vacinas, também os tratamentos para a Covid têm sido alvo dos burlões. No mesmo dia em que fechou o site "morderna", foi demantelado o website dum outro falso representante da Regeneron Pharmaceuticals, empresa fabricante de tratamentos para a Covid-19 sediada em Maryland.

Os esquemas em torno de falsas esperanças sobre a Covid-19 — vacinas, testes, tratamentos — levaram já à detenção pelo FBI de mais de quinhentas pessoas nos Estados Unidos nos últimos três meses, segundo o NYT.

Fontes: CNBC/The Telegraph/BBC/citada. Relacionado: Reino Unido na mira do mundo: Vacinação anti-Covid começou "mas não podemos baixar a guarda", 09.dez.020. Foto (BBC): Quem não tem a vacina, caça comprador com a falsa.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project