INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Venezuela: Deputado Requesens confessa participação em atentado contra Maduro, mas oposição encabeçada pela irmã nega e denuncia tortura 12 Agosto 2018

O deputado Juan Requesens, que teve a sua imunidade levantada para responder pela alegada participação no atentado de sábado, 4, contra o presidente Nicolás Maduro, fez, esta quinta-feira, 9, uma confissão, a circular na internet, que está a ser contestada como obtida sob tortura.

Venezuela: Deputado Requesens confessa participação em atentado contra Maduro, mas  oposição  encabeçada pela irmã nega e denuncia tortura

A oposição da Venezuela denunciou este sábado, 11, a tortura a que estará a ser submetido Juan Requesens, de 29 anos. Este deputado do ’Primero Justicia’ está — tal como Julio Borges, ex-presidente do parlamento, que se refugiou na vizinha Colômbia — a ser acusado da "tentativa de magnicídio", os termos que o PGR Tarek William Saab utilizou para se referir à alegada tentativa de assassinato, sábado, 4, do chefe de Estado, o presidente Nicolás Maduro (foto).

A irmã do detido, Rafaela Requesens, criou o movimento #LiberenARequesens, a denunciar que o ex-líder estudantil — que se destacou nos movimentos de protesto, desde fevereiro de 2014 — gravou o vídeo sob tortura.

— -
Fontes: YouTube/El País/BBC/Le Monde/Twitter. Foto: O presidente e primeira-dama, Cilia Flores, em 1º plano na captura de ecrã da TV, no momento das duas explosões. Arquivo: Venezuela: “Tentativa de assassinato de Maduro por drone” reivindicada por ‘Soldados de T-Shirt’ – “Falhámos hoje mas é questão de tempo”
https://asemana.publ.cv/?Venezuela-Tentativa-de-assassinato-por-drone-contra-Maduro-reivindicado-por...
, 6.8.2018

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade
Cap-vert

Newsletter

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project