ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Governo pretende investir 127 milhões de euros no sector energético nos próximos três anos 17 Novembro 2018

O Governo pretende investir, no horizonte temporal de 2021, 127 milhões de euros para responder às exigências do Plano Director do Sector Eléctrico, que alerta para a necessidade de se fazer o investimento estratégico a nível da rede.

Governo pretende investir 127 milhões de euros no sector energético nos próximos três anos

O ministro da Indústria, Comércio e Energia, Alexandre Monteiro, revelou este número na manhã de hoje durante a apresentação pública dos resultados do Plano Director do Sector Eléctrico, sublinhando que para um horizonte mais alargado, 2030, vão ser investido mais de 400 milhões de euros.

Para o efeito, o governante avançou que Cabo Verde vai apresentar, em Dezembro, em Paris (França), este “projecto concreto” aos parceiros internacionais, no sentido de submeter a engajamento que vão desde a área de energias renováveis, promoção de eficiência energética e fomento de micro produção.

Alegou que algumas acções já estão em curso para promover a redução do auto consumo, na perspectiva da factura energética para as empresas e famílias, assim como na promoção de eficiência energética em equipamentos, edifícios e da própria iluminação pública.

Neste âmbito realçou que todo o sistema actual da iluminação pública já começou a ser substituído pelo sistema led, de forma a não só proporcionar “melhor qualidade” da iluminação pública, como também a diminuição considerável do consumo de energia.

Considerado “instrumento importante” para a implementação do programa nacional para a sustentabilidade energética, o Plano Estratégico de Desenvolvimento Sustentável é apontado como um instrumento de orientação para às decisões a serem tomadas, quer em termos de produção de novas capacidades na área de energias renováveis, quer a nível de penetração em termos técnicos e economicamente viável por ilha.

O plano, segundo o ministro, estende-se ainda aos investimentos estratégicos necessários para atingir os objectivos que constam no programa do Governo.

Contempla para o sector da energia o Programa Nacional para a Sustentabilidade Energética (PNSE) 2017-2011, com o propósito de promover, a longo prazo, “a transição para um sector energético seguro, eficiente e sustentável, com o intuito de reduzir a dependência de combustíveis fósseis, ao mesmo tempo que garanta o acesso universal e a segurança energética.

É neste quadro que a Direcção Nacional da Indústria, Comércio e Energia tem vindo a elaborar, com o apoio do Programa “Tecnical Assistance Facility for the Sustainable Energy for ALL”, da União Europeia, um novo plano director para o sector eléctrico (Horizonte 2018-2040), de modo a permitir um planeamento das infra-estruturas necessárias e os investimentos relacionados. A Semana/Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project