ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Parlamento: Governo diz ter implementado 166 projectos desde 22 de Abril de 2016, oposição considera que ninguém vê nem sente-se impacto dessas obras 30 Novembro 2018

A ministras das Infra-estruturas, Eunice Silva, afirmou hoje,30, no parlamento, durante o debate do Orçamento de Estado para 2019 que o Governo implementou 166 projectos desde 22 de Abril de 2016 à esta parte em Cabo Verde. Já o maior partido da oposição (PAICV) diz tratar-se de mais uma propaganda do Governo de Ulisses Correia e Silva, porquanto ninguém vê nem sente-se o impacto desses anunciados projectos.

Parlamento: Governo diz ter  implementado 166 projectos desde 22 de Abril de 2016, oposição  considera que ninguém vê nem sente-se impacto  dessas obras

Segundo Eunice Silva citada pela Inforpress, desses 166 projectos 69 foram lançados pela Direcção-geral das Infra-estruturas, 54 pelo Instituto de Estradas e 43 no quadro do Programa de Requalificação, Reabilitação e Acessibilidades (PRRA).

“São projectos de dimensão variada e cobrindo todos os sectores da governação, no sector da saúde, no sector da educação, no sector da justiça, da administração interna, da economia, enfim em todas as áreas e de todos os tamanhos”, exemplificou Eunice Silva.

Por isso, conforme o governante, em 2019 o Governo vai dar continuidade a essas obras e a outras que estão em execução neste momento, por exemplo as de requalificação na Boa Vista e no Sal, a estrada de Tarrafal de Monte Trigo (Santo Antão), a estrada do aeroporto de Rabil para a Povoação Velha (Boa Vista), a estrada de Mindelo-Baía (São Vicente), e as de Campanas de Cima a Piorno e Cova Tina a Bangaeira, ambas na ilha do Fogo.

Conforme Eunice Silva, há também outras obras que serão lançadas para arrancar no primeiro trimestre do próximo ano, estando neste momento no processo de avaliação para que possam entregar os relatórios de avaliação aos financiadores até o final deste ano. Igualmente, ajuntou, está na fase final da avaliação o projecto do Porto do Maio, cuja adjudicação o Governo conta fazer no início de 2019.

A ministra das Infra-estruturas afirmou ainda que em 2019 serão lançados os projectos dos centros de Saúde de Assomada, Órgãos e de Santa Maria, do Centro de Diálise de São Vicente, dará ainda continuidade às obras da rede de esgotos de Sal Rei, que vai viabilizar os empreendimentos do programa Casa para Todos que estão fechados, e da rede de esgotos dos Espargos.

Para além disso, acrescentou a governante, o Governo disponibilizará verbas para obras emergenciais e dar continuidade à manutenção corrente das entradas, desta vez com a inclusão de estradas das ilhas de São Vicente, do Sal, da Boa Vista e da Brava.

Entretanto, para a bancada do PAICV comanda por Rui Semedo, tais anúncios não passam de mais um acto propagandístico do actual Governo do MpD, já que ninguém vê esses projectos nem sente-se o impacto dos mesmos na vida das pessoas nas diferentes ilhas de Cabo Verde.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project