ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Privatização da TACV: Cabo Verde Airlines anuncia introdução de novas rotas Praia/Lisboa e Dakar 21 Outubro 2018

Depois do caos registado recentemente com o congelamento dos voos internacionais e a suspensão temporária de ligação com a Itália, a Cabo Verde Airlines anunciou, este sábado, que já introduziu novas rotas na sua rede, com voos Praia/Lisboa e a 09 de Novembro para Dakar. A operação vai começar a partir do próximo dia 30 de Outubro e enquadra-se no polémico processo da reestruturação e privatização da TACV, cujas linhas internacionais passaram a ser asseguradas através do grupo Icelandair, que assinou um contrato com o Governo neste sentido.

Privatização da TACV: Cabo Verde Airlines anuncia introdução de novas rotas Praia/Lisboa e Dakar

Privatização da TACV: Cabo Verde Airlines anuncia introdução de novas rotas Praia/Lisboa e Dakar

Depois do caos registado recentemente com o congelamento dos voos e suspensão temporária de ligação com a Itália, a Cabo Verde Airlines anunciou, este sábado, que já introduziu novas rotas na sua rede, com voos Praia/Lisboa e a 09 de Novembro para Dakar. A operação vai começar a partir do próximo dia 30 de Outubro e enquadra-se o polémico processo da reestruturação e privatização da TACV, cujas linhas internacionais passaram a ser asseguradas através do grupo Icelandair.

Em comunicado distribuído à imprensa, a companhia aérea informou que as novas rotas foram introduzidas para o período de Inverno Iata, de 29 de Outubro de 2018 a 09 de Março de 2019.

O documento precisa que a rota Praia/Lisboa terá quatro frequências semanais, a começar a partir de 30 de Outubro, e Dakar a partir de 09 de Dezembro, fazendo assim a conexão com a cidade de Paris -França.

“Com isto a Cabo Verde Airlines assegura a ligação entre os quatro continentes, conforme plano definido com o grupo Icelandair”, lê-se no documento. Esta informação surge, segundo indicou a Inforpress, na sequência da notícia publicada, esta sexta-feira, num dos jornais da praça, dando conta que o Governo está à procura de um novo parceiro para a privatização da TACV.

Isto depois, segundo o jornal, de a companhia islandesa Icelandair ter exigido a gestão do Aeroporto Internacional Amílcar Cabral, no Sal, além dos 51 por cento de participação na companhia cabo-verdiana.

A Cabo Verde Airlines assegurou, entretanto, que “mantém firme” o processo em curso de parceria estratégica com o grupo Icelandair e reforça a sua confiança neste processo, pontua o comunicado que vimos citando.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project